Google homenageia aniversário do inventor da máscara cirúrgica

O Doodle do Google celebra, nesta quarta-feira (10), o 142º aniversário do epidemiologista chinês-malaio Dr. Wu Lien-teh, inventor de uma máscara de proteção facial que acredita-se ser a percursora da máscara N95. O equipamento de proteção individual é o mais aconselhado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) na prevenção da covid-19.

Nascido em uma família de imigrantes chineses em Penang, na Malásia, Wu Lien-teh se tornou o primeiro estudante chinês a receber um diploma de medicina na Universidade de Cambridge e, ao longo de sua trajetória, recebeu diversos prêmios e bolsas de estudo.

O grande feito da carreira do médico, no entanto, se deu em 1910, dois anos antes de se tornar vice-diretor do Imperial Army Medical Coolege, na China, quando uma epidemia misteriosa atingiu o noroeste do país.

Após uma investigação, o inventor concluiu que a mortal e altamente contagiosa praga pneumônica da Manchúria se espalhava por transmissão respiratória e então desenvolveu a versão mais antiga da máscara N95, construída com camadas de algodão e gaze.

Para além disso, Wu ajudou a estabelecer estações de quarentena e hospitais, adotou técnicas modernas de esterilização e fez recomendações para restringir viagens. Em apenas quatro meses, a doença foi contida. O reconhecimento por suas contrbiuições veio em 1935, com uma indicação ao ao Prêmio Nobel de Fisiologia e Medicina.

O Google obteve permissão e trabalhou com a família do médico, incluindo suas bisnetas, Dr. Shan Woo Liu e Ling Woo Liu, para criar um Doodle em homenagem a ele. Além das imagens do inventor e de outros cientistas que compõem o Doodle, as letras do logotipo do Google parecem ser estilizadas em recortes de tecido, retratando o processo na construção das máscaras faciais.

*Estagiária do R7 sob supervisão de Pablo Marques

Fonte noticias.r7.com/saude