Dores no Cotovelo: Por Que Acontecem?

Dores no Cotovelo

Existem muitas causas para as dores nos cotovelos: inflamatórias, não inflamatórias e os traumatismos, como as fraturas.

Dessa forma, os tratamentos irão depender da causa das dores.

Em primeiro lugar, saiba que, às vezes, a dor pode ser algo eventual, de repente um esforço a mais, no entanto, se for recorrente, o melhor a fazer é buscar aconselhamento médico.

Se você sente dores no cotovelo, é importante descobrir a causa e se possível, adotar medidas preventivas para, pelo menos, tentar aliviá-las.

Nesse artigo, veja as possíveis causas e porque é importante buscar ajuda de um profissional especializado em cotovelo.

Dores no cotovelo: por que acontecem?

Então, existem várias causas para dores no cotovelo, sendo essencial identificá-las para que o tratamento seja o mais assertivo possível.

As dores podem ter origem na própria articulação, nos ossos ou nos tecidos associados às articulações, como os tendões.

Vamos focar aqui em dois tipos de lesões mais frequentes nos tendões: cotovelo de tenista (tenniselbow) e cotovelo de golfista (golfer’selbow), mas apesar do nome, não são restritas a atletas.

Geralmente, é o movimento de repetição ou com intensidade inadequada que pode agravar o quadro.

Saiba que esses tipos de lesões afetam com mais frequência pessoas entre 40 e 50 anos, e mais mulheres que homens.

A seguir, entenda mais esses tipos de lesões no cotovelo.

Tipos mais comuns de lesões no cotovelo

Conheça mais os tipos mais frequentes de lesões no cotovelo:

1.Cotovelo de tenista

Apesar do nome, o tênis não é a principal causa do cotovelo de tenista, se manifestando em pessoas que forçam muito o cotovelo e fazem movimentos repetitivos.

Por outro lado, os jogadores hoje raramente apresentam a lesão, pois executam movimentos com as duas mãos e utilizam raquetes bem mais leves.

É um tipo de inflamação localizada na parte externa do cotovelo, ao nível do úmero.

2.Cotovelo do golfista

É uma lesão menos frequente que o cotovelo de tenista, e atinge não somente os jogadores de golfe, como aqueles que praticam um esporte com raquete e quem realiza trabalhos manuais, usuários de computadores, etc.

Também é conhecido como epicondilite, que se trata de uma inflamação dos tendões responsáveis pela flexão do punho.

A dor é localizada no lado interno do cotovelo.

Quais as causas?

Em ambos os casos, devido aos movimentos repetitivos ou quando são feitos de maneira errada, pequenas lesões surgem nos tendões.

Esses pequenos traumatismos causam uma diminuição da elasticidade dos tendões, uma vez que as fibras de colágeno produzidas para reparar os tendões não são da mesma qualidade que aquelas do tendão original.

O desgaste do cotovelo ou a irritação dos nervos próximos ao cotovelo também podem ser a causa das dores e da inflamação.

Mesmo se essas lesões não provoquem necessariamente uma inflamação dos tendões, os tecidos que estão em volta podem se inflamar e afetar a articulação do cotovelo.

Embora essas duas lesões sejam as mais comuns, a dor também pode estar relacionada a problemas como:

  • Bursite;
  • Luxação;
  • Artrite;
  • Artrose;
  • Infecções;
  • Tensão.

Como tratar de dor no cotovelo?

Na verdade, como existem várias causas para a dor no cotovelo, o tratamento vai depender justamente da causa.

Mas é fundamental que um ortopedista especializado em cotovelo avalie o caso, identifique a causa e assim prescrever o tratamento mais adequado.

Além dos exames clínicos, ele talvez solicite exames complementares para fechar o diagnóstico, como uma radiografia ou ultrassonografia.

O tratamento pode consistir em uso de medicações como analgésicos ou anti-inflamatórios, mas tudo vai depender do tipo da dor e a origem do problema.

Em alguns casos, pode ser indicado fisioterapia para aliviar as dores e recuperar os movimentos, se necessário.

Vale só lembrar que as recomendações para uma cirurgia são mais raras, normalmente no caso onde há compressão dos nervos.

Mais uma vez, apenas o profissional será capaz de indicar a melhor terapia, por isso é tão importante buscar ajuda de um médico especialista em cotovelo.

A grande questão que envolve a dor no cotovelo é que, mesmo que não seja grave, é muito incômoda, podendo afetar muito a qualidade de vida da pessoa, uma vez que limita os movimentos.