Aprenda como compartilhar internet do seu celular

como compartilhar internet

De repente você precisa acessar seu notebook, mas está sem luz em casa. O que fazer? Compartilhar internet do seu celular pode ser uma mão na roda em algumas situações. Seu celular pode virar um ponto de acesso para ocasiões emergenciais. 

Tanto o Android como o iPhone permitem que você possa rotear a internet do seu celular para outros dispositivos.  É importante ressaltar que seu pacote de dados é consumido mais rápido. Por isso, fique atento para não ficar sem internet também no seu smartphone. 

Acompanhe o post e saiba como compartilhar a internet do seu celular! 

Como compartilhar a internet do seu celular

Android

No Android, a ferramenta para compartilhar internet possui vários nomes, que varia de um fabricante para outro. A Samsung, por exemplo utiliza o termo “Roteador de Wi-Fi e Ancoragem“; já a Motorola, “Ponto de acesso e conexão.

Por padrão, a opção se encontra dentro de configurações de rede, que também muda de nome conforme o fabricante (Redes, Rede e Internet, Conexões, etc.). Veja como compartilhar internet no Android: 

  1. Entre no app Configurações, e toque em Conexões;
  2. Toque em Roteador Wi-Fi e Ancoragem;
  3. Toque na opção Roteador Wi-Fi (não na chave);
  4. Dentro da ferramenta, configure o nome da rede que deseja usar (no exemplo, o aparelho traz o padrão “Galaxy Note9”), tocando sobre ele e definindo o que desejar;
  5. Toque em Senha e defina uma senha de preferência;
  6. Feitas as configurações, toque na chave e ative o recurso.

iPhone

O recurso de compartilhamento se chama Acesso Pessoal, no iPhone. Pode ser configurado facilmente, veja como compartilhar internet no iPhone:

  1. Entre no app Ajustes, e toque em Celular;
  2. Toque em Acesso Pessoal;
  3. Toque no controle Acesso Pessoal para ativa-lo.
    O nome da rede é o mesmo que você definiu para seu dispositivo (por exemplo, “iPhone de Fulano” ou “iPad de Cicrano”);
  4. Em Senha Wi-Fi, defina uma nova senha, se for de seu desejo.

Vale lembrar que o Acesso Pessoal não está disponível em iPads apenas Wi-Fi.

Windows

Aparelhos da Microsoft e da Nokia contam com o sistema Windows, que também permite rotear internet. Para isso, basta seguir as seguintes instruções e confira como compartilhar internet deste sistema:

  1. Abra “Configurações”.
  2. Habilite o item “Compartilhar internet”.
  3. Logo abaixo da tela, há um ícone de lápis. Ao clicar nele, você pode configurar o nome da rede e a senha.
  4. Para que outro aparelho conecte, ative o wi-fi e use o nome e senha que você configurou.  

 

Se sua internet anda caindo muito, devagar ou lenta, veja os planos de internet fixa que podem ser interessantes para a sua casa. Não precise usar mais seu celular para compartilhar internet. 

Como compartilhar internet pelo Bluetooth?

Além de compartilhar a internet pelas configurações de redes, também é possível rotear por meio do Bluetooth. No entanto, não são todos os celulares que permitem essa função. Vamos mostrar aqui passo a passo para você testar. 

  1. Ative o modo Bluetooth no seu aparelho.
  2. Pareie o seu dispositivo com o que você deseja compartilhar a internet. Para isso, o outro aparelho também deve estar com o Bluetooth ativado. 
  3. Quando os aparelhos estiverem pareados, vá nas configurações do seu Bluetooth e escolha “usar acesso à internet”.
  4. Pronto, a internet será compartilhada!

Se você tentou e não encontrou essas configurações no seu aparelho é porque não tem como compartilhar internet do seu celular via Bluetooth. 

Essa é a maneira para quem tem aparelhos com sistema Android e Windows.

iPhone

O compartilhamento via Bluetooth no iPhone e no iPad acontece de modo diferente dos outros sistemas. Mas é bem simples:

  1. Acesse “Ajustes”.
  2. Clique em “Bluetooth”.
  3. Escolha internet e o aparelho.

Essa função só é permitida entre celular e computador. Se você quer compartilhar com outro celular, não será possível pelo Bluetooth. 

Cuidados ao compartilhar internet do celular

É importante lembrar que nem todas as operadoras permitem o uso livre do compartilhamento de internet, e podem limitar ou cortar o acesso à rede. Se isso acontecer, será preciso desligar o recurso ou a rede de dados do celular, liga-los novamente e começar de novo.

E lembre-se: o compartilhamento consome a sua franquia de dados, e por forçar o 

hardware, o nível de bateria do celular irá cair muito mais rápido do que o normal.

Como definir a senha do seu ponto de acesso

Outro passo importante para compartilhar a internet com outros dispositivos é criar uma senha para a conexão Wi-Fi. Assim, apenas quem souber o password consegue se conectar à rede e acessar a internet. Veja como definir:

  • Vá em Configurações;
  • Toque em Wireless e redes.
  • Toque em Vínculo e ponto de acesso portátil;
  • Com o novo menu aberto, toque em Ponto de acesso Wi-Fi portátil;
  • Toque em Configurar ponto de acesso.
  • Toque em Nome do ponto de acesso para definir um nome para sua rede;
  • Toque sobre o campo de senha para definir uma senha para sua rede. Caso prefira não definir uma senha, toque sobre o ícone ao lado do campo para ver a senha pré-definida.

*Caso prefira criar, atente-se por não definir senhas óbvias como “123456” ou “senha”.

  • Navegue pelo restante das opções, se disponíveis, definindo o que achar melhor para o seu ponto de acesso. Em alguns dispositivos é possível definir a faixa de transmissão, um limite de dispositivos conectados e até mesmo a desativação da rede por inatividade.
  • Com a configuração concluída, toque em Salvar.

Quanto custa lavar toalhas em lavanderia?

Quanto custa lavar toalhas em lavanderia

Você sempre quis lavar suas toalhas em uma lavanderia, contudo, na hora de ir, fica com um pé atrás em relação ao preço?

Muitas pessoas têm uma concepção errada sobre os serviços de lavanderias. Criou-se uma ideia de que lavar roupas em lavanderia é um serviço caro e pouco acessível. Mas a realidade é outra! 

Em alguns casos, contar com as lavanderias profissionais pode ser uma forma de economia, além de gerar praticidade e conforto do dia a dia, com roupas limpas e cheirosas. 

Neste artigo iremos mostrar para você quanto custa lavar toalhas em lavanderia e porque o serviço é tão importante. Confira!

Por que lavar suas toalhas em uma lavanderia?

As toalhas são itens bastante pessoais, que entram em contato com partes sensíveis do corpo e, por isso, devem estar sempre limpas. 

Estudos apontam que ao se tratar de peças expostas frequentemente à umidade, as toalhas são lugares propensos para o cultivo de bactérias e fungos, dessa forma, acumulando resíduos como pele morta e secreções (urinárias, anais e salivares).

Deste modo, as toalhas devem receber atenção especial na hora da lavagem. 

No entanto, por falta de equipamentos ou produtos específicos, muitas vezes a higienização completa não pode ser feita em casa. Logo, entram em cena as lavanderias profissionais. 

Esses estabelecimentos asseguram todo o cuidado necessário com as suas toalhas, da limpeza até a maciez e secagem. E isso tudo sem danificar a qualidade do tecido. 

Com profissionais especializados, cada detalhe do processo de lavagem é feito de acordo com as necessidades da peça. Porém, você ainda pode estar se perguntando: “quanto custa lavar toalhas em lavanderia”. Bom, vamos lá!

Quanto custa lavar as toalhas em uma lavanderia? 

Não existe um valor fixo para a lavagem de roupas. Assim, para determinar quanto custa lavar toalhas em lavanderia é preciso analisar alguns fatores, como tamanho, tipo de tecido, condição da peça, se há manchas, etc..

O preço final do serviço é determinado de acordo com as necessidades. Toalhas com manchas de difícil remoção, por exemplo, tendem a ser mais caras do que toalhas de limpeza simples. 

Tudo depende da peça e dos serviços que ela demanda. 

Para saber quanto custa lavar toalhas em lavanderia, então, você precisará ir até uma unidade do estabelecimento para que os profissionais façam uma avaliação das roupas e possam determinar um valor específico para o serviço. 

Como encontrar uma lavanderia?

Encontrar uma lavanderia próxima da sua casa pode ser mais fácil do que se imagina. As lavanderias estão presentes no nosso dia a dia, com lojas espalhadas nos diferentes cantos da cidade. 

A rede de lavanderias BonaSecco, por exemplo, possui unidades espalhadas por todo o Brasil, com opções pertinho de você!

Depois de entender o que determina quanto custa lavar toalhas em lavanderia, agora descubra qual a unidade da BonaSecco está mais próxima da sua casa e conheça um mundo de praticidades, que poderá garantir mais comodidade no dia a dia e roupas bem cuidadas para toda a família. 

Roupas para revender direto da fábrica

Roupas direto da fábrica

Quer começar um negócio no setor de vestuário, mas não quer investir em maquinário, funcionários e treinamentos, em especialistas para encontrar bons fornecedores de tecidos e matérias-primas?

Não pode realizar altos gastos com estrutura física, administrativa e logística, nem dispõem de conhecimento sobre linha de produção, modelagem e ficha técnica?

Porque não começar um negócio revendendo Roupas direto da fábrica?

O que são roupas direto da fábrica?

São peças de vestuários fabricadas para revendedores, próximas do preço de custo. A compra de roupas direto da fábrica significa que não há vendedores intermediários entre a fábrica e você. Assim não existem custos adicionais para o lucro de terceiros.

O que é a revenda de roupas direto da fábrica?

A revenda de roupas é a venda final para o cliente comum. A primeira venda é feita a preços acessíveis diretamente pela fábrica que oferece os seus produtos para revendedores.

Vale lembrar que, o papel do revendedor (no caso, de roupas para revender direto da fábrica) é atuar como uma ponte entre o cliente final e o fabricante.

Sobre as roupas de fábrica

As roupas de fábrica são um dos melhores produtos para revender. Estas peças também são totalmente otimizadas para a venda pela internet.

Isso porque são itens leves, compactos que podem ser facilmente enviados pelos Correios ou transportadoras e entregues sem que a logística os danifique, nem que aja necessidade de embalagens especiais e reforçadas contra impactos.

Além disso, as fábricas possuem maquinário para atender aumentos abruptos de demanda, bem como funcionários experientes que garantem a qualidade constante das roupas.

Assim é possível manter os clientes e atender os novos, sem que os revendedores fiquem sem produto.

E as medidas das roupas de fábrica?

Não é fácil transmitir todos os aspectos belos ​​de uma roupa em uma tela de celular ou computador. Além disso, muitas pessoas querem experimentar a vestimenta, por isso é sempre bom fazer descrições completas das medidas de cada peça. Nesse caso, o menos não é mais.

Para ajudar, a fábrica já tem esses padrões todos organizados e por meio das etiquetas registra as informações. Outras informações são facilmente deduzíveis, como a cor.

O revendedor adquire as roupas para revender direto da fábrica e com elas consegue fornecer as medidas. Por exemplo, um vestido é medido nos ombros, busto, cintura, quadril e comprimento.

Todas as pessoas devem saber suas medidas, especialmente se ela quiser fazer compras online.

Porque roupas da fábrica?

Comprar diretamente da fábrica têxtil é o ideal, pois assim consegue-se o preço mais baixo possível podendo obter um bom lucro.

As melhores fábricas disponibilizam as peças num site com informações para venda por atacado.

Estude antes de vender

Há uma quantidade considerável de pessoas vendendo roupas direto da fábrica, mas apenas algumas são instruídas sobre as melhores formas de se fazer isto e sobre os próprios produtos.

Faça sua pesquisa sobre as roupas que deseja vender e sobre a fábrica que as produz, conhecendo o máximo possível de suas vantagens e aspectos atraentes.

Conheça também as silhuetas, os estilos, os tecidos e não apenas a moda que trabalhará.

Demonstre interesse e domínio sobre o assunto para garantir maior segurança no seu diálogo com o cliente e diferencial entre os revendedores.

Para saber mais e adquirir roupas para revender direto da fábrica, entre em contato conosco pelo site www.mareatacado.com.br.

Dores no Cotovelo: Por Que Acontecem?

Dores no Cotovelo

Existem muitas causas para as dores nos cotovelos: inflamatórias, não inflamatórias e os traumatismos, como as fraturas.

Dessa forma, os tratamentos irão depender da causa das dores.

Em primeiro lugar, saiba que, às vezes, a dor pode ser algo eventual, de repente um esforço a mais, no entanto, se for recorrente, o melhor a fazer é buscar aconselhamento médico.

Se você sente dores no cotovelo, é importante descobrir a causa e se possível, adotar medidas preventivas para, pelo menos, tentar aliviá-las.

Nesse artigo, veja as possíveis causas e porque é importante buscar ajuda de um profissional especializado em cotovelo.

Dores no cotovelo: por que acontecem?

Então, existem várias causas para dores no cotovelo, sendo essencial identificá-las para que o tratamento seja o mais assertivo possível.

As dores podem ter origem na própria articulação, nos ossos ou nos tecidos associados às articulações, como os tendões.

Vamos focar aqui em dois tipos de lesões mais frequentes nos tendões: cotovelo de tenista (tenniselbow) e cotovelo de golfista (golfer’selbow), mas apesar do nome, não são restritas a atletas.

Geralmente, é o movimento de repetição ou com intensidade inadequada que pode agravar o quadro.

Saiba que esses tipos de lesões afetam com mais frequência pessoas entre 40 e 50 anos, e mais mulheres que homens.

A seguir, entenda mais esses tipos de lesões no cotovelo.

Tipos mais comuns de lesões no cotovelo

Conheça mais os tipos mais frequentes de lesões no cotovelo:

1.Cotovelo de tenista

Apesar do nome, o tênis não é a principal causa do cotovelo de tenista, se manifestando em pessoas que forçam muito o cotovelo e fazem movimentos repetitivos.

Por outro lado, os jogadores hoje raramente apresentam a lesão, pois executam movimentos com as duas mãos e utilizam raquetes bem mais leves.

É um tipo de inflamação localizada na parte externa do cotovelo, ao nível do úmero.

2.Cotovelo do golfista

É uma lesão menos frequente que o cotovelo de tenista, e atinge não somente os jogadores de golfe, como aqueles que praticam um esporte com raquete e quem realiza trabalhos manuais, usuários de computadores, etc.

Também é conhecido como epicondilite, que se trata de uma inflamação dos tendões responsáveis pela flexão do punho.

A dor é localizada no lado interno do cotovelo.

Quais as causas?

Em ambos os casos, devido aos movimentos repetitivos ou quando são feitos de maneira errada, pequenas lesões surgem nos tendões.

Esses pequenos traumatismos causam uma diminuição da elasticidade dos tendões, uma vez que as fibras de colágeno produzidas para reparar os tendões não são da mesma qualidade que aquelas do tendão original.

O desgaste do cotovelo ou a irritação dos nervos próximos ao cotovelo também podem ser a causa das dores e da inflamação.

Mesmo se essas lesões não provoquem necessariamente uma inflamação dos tendões, os tecidos que estão em volta podem se inflamar e afetar a articulação do cotovelo.

Embora essas duas lesões sejam as mais comuns, a dor também pode estar relacionada a problemas como:

  • Bursite;
  • Luxação;
  • Artrite;
  • Artrose;
  • Infecções;
  • Tensão.

Como tratar de dor no cotovelo?

Na verdade, como existem várias causas para a dor no cotovelo, o tratamento vai depender justamente da causa.

Mas é fundamental que um ortopedista especializado em cotovelo avalie o caso, identifique a causa e assim prescrever o tratamento mais adequado.

Além dos exames clínicos, ele talvez solicite exames complementares para fechar o diagnóstico, como uma radiografia ou ultrassonografia.

O tratamento pode consistir em uso de medicações como analgésicos ou anti-inflamatórios, mas tudo vai depender do tipo da dor e a origem do problema.

Em alguns casos, pode ser indicado fisioterapia para aliviar as dores e recuperar os movimentos, se necessário.

Vale só lembrar que as recomendações para uma cirurgia são mais raras, normalmente no caso onde há compressão dos nervos.

Mais uma vez, apenas o profissional será capaz de indicar a melhor terapia, por isso é tão importante buscar ajuda de um médico especialista em cotovelo.

A grande questão que envolve a dor no cotovelo é que, mesmo que não seja grave, é muito incômoda, podendo afetar muito a qualidade de vida da pessoa, uma vez que limita os movimentos.