BH anuncia data de vacinação para pessoas com comorbidades

A Prefeitura de Belo Horizonte anunciou, nesta segunda-feira (3), que irá começar a vacinar os moradores com comorbidades na próxima sexta-feira (7). A doses também serão aplicadas no sábado (8).

A data foi confirmada, mas a Secretaria Municipal de Saúde vai anunciar nos próximos dias quem serão os convocados.

Os escolhidos estarão entre aqueles que se cadastraram no site da prefeitura até às 23h59 desta segunda-feira. O escalonamento será necessário, uma vez que o município ainda não tem doses suficientes para atender as mais de 290 mil pessoas com comorbidades. Em breve a prefeitura vai anunciar nova data de cadastro para quem perdeu a primeira chamada.

Apesar de não ter anunciado quem serão os convocados, a prefeitura já informou que vai seguir os critérios do Ministério da Saúde para definir os grupos. “As pessoas de 18 a 59 anos com deficiência permanente beneficiárias do BPC [Benefício de Prestação Continuada] não precisam se cadastrar. A vacina usada será, preferencialmente, do laboratório Pfizer”, explicou a prefeitura.

Os detalhes como locais de vacinação também serão divulgados nos próximos dias. “Para ser vacinado será necessário, além de realizar o cadastro, reunir documentos para comprovar a condição (exames, receitas, relatório médico e/ou prescrição médica) e ficar atento ao calendário de vacinação que acontecerá em duas fases, seguindo orientação do Ministério da Saúde, e conforme a disponibilidade de vacinas pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI)”, destacou a Secretaria de Saúde.

Na fase 1 serão priorizadas:

·  Pessoas com Síndrome de Down entre 18 e 59 anos;

·  Pessoas com doença renal crônica em terapia de substituição renal (diálise) de 18 a 59 anos;

·  Gestantes e puérperas com comorbidades, a partir de 18 anos;

·  Pessoas com comorbidades de 55 a 59 anos;

·  Pessoas com deficiência permanente beneficiárias do programa Benefício de Prestação Continuada (BPC) de 55 a 59 anos.

Na fase 2 serão priorizadas seguindo as faixas etárias de 54 a 50 anos, 49 a 45 anos, 44 a 40 anos, 39 a 30 anos e 29 a 18 anos:

·  Pessoas com comorbidades;

·  Pessoas com deficiência permanente beneficiárias do programa Benefício de Prestação Continuada (BPC);

·  Gestantes e puérperas independentemente de condições pré-existentes.

Veja a lista de comorbidades consideradas prioritárias para vacinação:

    • Diabetes mellitus

    • Pneumopatias crônicasgraves

    • Hipertensão Arterial Resistente (HAR)

    • Hipertensão arterial estágio 3

    • Hipertensão arterial estágios 1 e 2 com lesão em órgão-alvo e/ou comorbidade

    • Insuficiência cardíaca (IC)

    • Cor-pulmonale e Hipertensão pulmonar

    • Cardiopatia hipertensiva

    • Síndromes coronarianas

    • Valvopatias

    • Miocardiopatias e Pericardiopatias

    • Doenças da Aorta, dos Grandes Vasos e Fístulas arteriovenosas

    • Arritmias cardíacas

    • Cardiopatias congênita no adulto

    • Próteses valvares e Dispositivos cardíacos implantados

    • Doença cerebrovascular

    • Doença renal crônica

    • Imunossuprimidos

    • Anemia falciforme

    • Obesidade mórbida

    • Síndrome de down

    • Cirrose hepática

    • Doenças raras

Trabalhadores da saúde

Nesta segunda-feira (3), a prefeitura também anunciou a vacinação dos trabalhadores da saúde com idade a partir de 18 anos que tenham se cadastrado até o dia 28 de abril passado. Os atendimentos acontecem entre esta quarta-feira (5) e quinta-feira (6). A lista de locais de imunização e de documentos necessários para este grupo está disponível neste link.

Fonte noticias.r7.com/saude