Espanha retoma voos com Brasil, mas mantém quarentena

A Espanha vai suspender as restrições de voos procedentes do Brasil e da África do Sul por causa da covid-19, mas vai impor uma quarentena de dez dias aos viajantes a partir de 3 de agosto, informa um decreto publicado neste sábado (31) no Diário Oficial do país.

A partir terça-feira, portanto, os viajantes procedentes destes dois países que possuam o cartão de vacinação completo, um teste negativo, ou teste de contágio recente, poderão entrar na Espanha. Ainda assim, terão de cumprir um período de autoisolamento.

O governo espanhol interrompeu as conexões aéreas com o Brasil em fevereiro

Na ocasião, as autoridades locais definiram que voos que tiverem esses dois países como origem poderão pousar apenas se estiverem ocupados por cidadãos ou residentes da Espanha ou de Andorra. Há exceções para passageiros em trânsito internacional e que perteçam ao espaço Schengen, mas a escala deve ser de menos de 24 horas.

Na justificativa da decisão, as autoridades locais consideraram que o risco de importação de casos da África do Sul e do Brasil poderia ser reduzido com as medidas de controle sanitário aplicáveis na chegada à Espanha, mas acrescentou que “isso não nos impede de continuar tomando precauções extremas contra o potencial de propagação das variantes brasileiras e sul-africanas do vírus”.

Fonte noticias.r7.com/saude

Restauração de dente: o que é, como é feita e qual o preço?

A restauração de dente é um dos procedimentos que buscam a melhor estética do sorriso. Veja aqui quando esse procedimento é indicado, como ele é feito, seus tipos e qual o preço: O que é restauração de dente? A restauração de dente, ou dentística restauradora, é um dos procedimentos indicados no tratamento da cárie dentária …

O post Restauração de dente: o que é, como é feita e qual o preço? apareceu primeiro em Clinica OralDents.

EUA exigirão máscaras e testes de funcionários federais não vacinados

O presidente norte-americano, Joe Biden, adotou uma série de medidas para impulsionar a vacinação contra a covid-19 nos Estados Unidos, entre elas exigir a milhões de funcionários federais que se vacinem ou cumpram uma série de restrições, segundo um comunicado da Casa Branca, divulgado nesta quinta-feira (29).

Leia também: EUA não revogarão restrições de viagens devido à variante Delta

Aqueles que não “demonstrarem estar totalmente vacinados” terão que usar máscara no trabalho, independentemente de sua localização, manter distanciamento físico dos outros funcionários e “cumprir um requisito de exames de detecção semanais ou duas vezes por semana”, diz o comunicado, emitido pouco antes de um discurso de Biden.

A expectativa é de que o presidente democrata anuncie essas medidas que serão aplicadas aos quatro milhões de funcionários federais e terceirizados.

Biden também vai pedir ao Pentágono que estude a possibilidade de acrescentar a vacina contra o coronavírus à lista de imunizantes obrigatórios para militares e pedirá aos governos estaduais e municipais que ofereçam US$ 100 (cerca de R$ 500) como incentivo aos que perderam a data de vacinação.

Apesar de não ser uma obrigação absoluta, trata-se de uma mudança de rumo do governo Biden, que até agora insistia mais na responsabilidade individual e em mensagens para promover a vacinação.

Os Estados Unidos estão tentando reativar uma campanha de vacinação que desacelera enquanto a rápida disseminação da variante Delta preocupa as autoridades de saúde.

Fonte noticias.r7.com/saude

Professores da rede estadual anunciam greve em Minas Gerais

Professores da rede estadual de Minas Gerais anunciaram, nesta quarta-feira (28), uma greve contra o retorno presencial das aulas no Estado.

Segundo o Sind-UTE (Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais), a paralisação começará na próxima segunda-feira (2) e seguirá por tempo indeterminado.

A professora Denise Romano, diretora do sindicato, explica que o ensino remoto será mantido, tanto nas escolas quanto nas regionais de educação. A expectativa é que os servidores não compareçam apenas para as atividades presenciais.

— Não há condições de retorno. As escolas não têm estrutura física para qualquer tipo de distanciamento.

Para a próxima terça-feira (3), quando acaba o recesso escolar, está previsto o retorno das atividades presenciais para estudantes do 3º ano do ensino médio e do 9º ano do ensino fundamental da rede estadual em Belo Horizonte.

O retorno nas escolas do Governo de Minas acontece por etapas, desde o último dia 21 de junho. O assunto foi decidido judicialmente. A retomada é permitida nas cidades que fazem parte das ondas verde, amarela e vermelha, com variação de séries. Atualmente, as aulas acontecem 751 colégios de 189 cidades. A lista completa está disponível neste link.

Procurada, a SEE (Secretaria Estadual de Educação) informou que vai acompanhar o nível de adesão à greve e reforçou que adota medidas de segurança que viabilizam a retomada das atividades presenciais em Minas Gerais.

Veja a íntegra da nota do Governo de Minas:

Sobre a greve convocada pelo sindicato da categoria para a próxima semana, a Secretaria de Estado de Educação (SEE/MG) informa que vai acompanhar a adesão ao movimento nas escolas estaduais, mas reitera que o processo de retomada das atividades presenciais segue planejado com todo cuidado e segurança, com o fim do recesso escolar, no próximo dia 3 de agosto.

Reforçamos ainda que a retomada das atividades presenciais na rede estadual está acontecendo de maneira segura, híbrida, gradual e facultativa, seguindo rigorosamente todos os protocolos sanitários da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG), desenvolvido em conjunto por um grupo de trabalho formado por especialistas nas áreas de saúde e educação, e balizado por critérios técnicos que orientam as deliberações do Comitê Extraordinário Covid-19.

Todas as escolas realizaram um checklist criterioso para aplicação das adequações necessárias no ambiente, com regras de distanciamento e disponibilização dos equipamentos de proteção e produtos de higiene e limpeza. A retomada também inclui monitoramento de casos suspeitos da doença, com a possibilidade de afastamento progressivo de alunos, turmas e até o fechamento de escolas, em caso de necessidade.”

Fonte noticias.r7.com/saude

Vera Viel é vacinada após se curar da covid-19: ‘Momento especial’

Vera Viel foi vacinada contra a covid-19 nesta terça-feira (27). A apresentadora, que é mulher de Rodrigo Faro e teve a doença junto com o marido, e as três filhas, Clara, Maria e Helena, mostrou o instante a imunização nas redes sociais. 

“Finalmente chegou o dia. Depois de ter pego covid, agora pude tomar a vacina. Estou muito grata a Deus pela nossa cura e agora por estar sendo vacinada. O meu cunhado @danilofaro (que me chama carinhosamente de cabeça, vocês vão ouvir no vídeo) e minha filha @mariavielfaro me acompanharam nesse momento tão especial”, escreveu ela.

“Quero agradecer as enfermeiras da UBS Sé Centro @caroline_beauty15 e Patrícia Menegasso Bressan que me receberam com tanto carinho, @xxleal obrigada pelo vídeo”, finalizou.

Rodrigo Faro testa positivo para Covid e cancela gravação

Com covid, Rodrigo Faro agradece apoio de fãs: ‘Vamos vencer’

Fonte noticias.r7.com/saude

Ataque cardíaco: conheça qual a sua relação com a saúde bucal

O Ataque cardíaco é um dos principais problemas que comprometem a saúde do coração. No entanto, poucas pessoas sabem que essa complicação pode possuir relação direta com a saúde bucal. Conheça aqui mais sobre o problema, seus sintomas e como ele pode está associado a negligências quanto a saúde bucal: O que é Ataque cardíaco? …

O post Ataque cardíaco: conheça qual a sua relação com a saúde bucal apareceu primeiro em Clinica OralDents.

CoronaVac: Butantan testará em Serrana imunidade de longo prazo

O Instituto Butantan iniciou neste fim de semana uma nova etapa do estudo para entender o impacto da vacina CoronaVac no controle da pandemia de covid-19, em Serrana, no interior de São Paulo. A cidade, de 45 mil habitantes, teve toda sua população adulta vacinada como parte do Projeto S, como é chamado o estudo. No novo ciclo, o Butantan vai avaliar a imunidade de longo prazo dos moradores que já tomaram as duas da vacina produzida pelo Instituto e pela farmacêutica chinesa Sinovac.

De acordo com o Butantan, poderão participar desta nova fase da pesquisa, na condição de voluntários, todos os maiores de 60 anos e uma parte de pessoas com menos idade e já vacinadas com a CoronaVac. Os candidatos devem se dirigir a uma das oito escolas onde foi realizada a vacinação para que seja colhida uma amostra de sangue. Essa coleta será realizada também nos dias seguintes, até 1º de agosto, das 8h às 16h30.

Ainda segundo o instituto, a nova etapa compreende um estudo de coorte prospectivo, que é uma forma de investigar os aspectos relacionados à transmissão de manutenção da doença, e será acompanhado pelo comitê de ética em pesquisa em seres humanos do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo (USP). Após as coletas em Serrana, os testes para avaliar a imunidade dos voluntários serão realizados no Laboratório Estratégico de Diagnóstico do Butantan. Os voluntários serão acompanhados durante um ano.

O projeto já forneceu evidências da efetividade da vacina. Foi observada queda de 80% nos casos sintomáticos da doença, 86% nas internações e 95% nas mortes, após 75% da população adulta ser imunizada. “O estudo agora tem como objetivo estimar e comparar a imunização de adultos e idosos de Serrana, analisar quanto tempo dura a imunidade e avaliar a resposta imune celular”, informou o Butantan.

Um dos pontos que a pesquisa levará em consideração é o processo de envelhecimento do sistema imunológico, que pode interferir na forma como o organismo combate o vírus à medida que o tempo passa.

O projeto vacinou com duas doses 27.160 pessoas maiores de 18 anos, entre o final de março e início de abril deste ano, em Serrana. Outros 5.817 moradores receberam as duas doses pelo Plano Estadual de Imunização. Segundo o Butantan, o estudo clínico da vacinação em massa contra a covid-19 também apontou que a imunização causou um efeito indireto de proteção mesmo para quem não recebeu nenhuma dose da vacina.

Fonte noticias.r7.com/saude

Anvisa inicia análise de vacina da Sinopharm contra covid

A Sinopharm apresentou nesta segunda-feira (26) à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o pedido de uso emergencial da vacina contra covid-19 desenvolvida por ela.

Segundo o órgão, o representante do laboratório chinês no Brasil é a Blau Farmacêutica, que vai tratar de toda a parte regulatória.

Até amanhã, os técnicos devem avaliar se há pendências na documentação entregue. Caso haja, a Anvisa poderá solicitar novos dados. Caso não haja suspensão dos prazos, a agência tem de sete a 30 dias para avaliar o pedido.

“Pela norma, o prazo de avaliação será de sete dias quando houver desenvolvimento clínico da vacina no Brasil ou quando o relatório ou parecer técnico emitido pela autoridade sanitária estrangeira seja capaz de comprovar que a vacina atende aos padrões de qualidade, de eficácia e de segurança” estabelecidos por entidades internacionais, afirma a Anvisa em nota.

A vacina da Sinopharm recebeu autorização de uso emergencial da OMS (Organização Mundial da Saúde) em maio.

Trata-se de uma vacina de vírus inativado que apresentou 79% de eficácia contra casos sintomáticos de covid-19 duas semanas após a segunda dose. O intervalo entre as injeções é de 21 dias.

Este imunizante já está aprovado para uso emergencial em mais de 50 países.

Fonte noticias.r7.com/saude

Prótese parcial removível: o que é, como funciona e quanto custa

A prótese parcial removível é um dos tipos de prótese dentária mais utilizados. É mais uma das tecnologias da odontologia para solucionar a perda de dentes, seja pela evolução de um problema bucal ou devido a um traumatismo. Conheça mais a fundo esse tipo de tratamento, suas indicações, vantagens, como funciona, quanto tempo dura e …

O post Prótese parcial removível: o que é, como funciona e quanto custa apareceu primeiro em Clinica OralDents.